Extensões Do Navegador Podem Realizar Espionagem Corporativa

Extensões do navegador aparentemente inofensivos que geram emojis, ampliam as miniaturas, ajudam a depurar erros de JavaScript e outros utilitários comuns rotineiramente executam processos secretos em segundo plano, que coletam e retransmitem suas credenciais de login, URLs privadas, que concedem acesso a arquivos confidenciais, segredos corporativos, PDFs completos e outros dados pessoais identificados, potencialmente comprometem dados.

Muitas extensões realizam uma vigilância sem qualquer notificação a todos, mas alguns fazem backflips legais para encobrir suas atividades, caracterizando a instalação da extensão como permissão explícita para espionar; fingindo que URLs são, por natureza anônima e assim por diante. Os dados são agregados e vendidos a terceiros não identificados, supostamente por um valor mensal. Muitas das extensões de espionagem têm mais de um milhão de usuários. Uma das extensões identificadas como a realização de espionagem secreta anuncia-se como uma ferramenta de reforçar a sua proteção.

Detectify Labs colocaram uma explicação técnica de como extensões do Chrome realizam a vigilância, e nota perto do fim de sua análise que as extensões do Firefox são tão propensas a espionagem.

Pessoal que escreveu no boingboing.net sinalizam para um dos serviços, que oferecem esta informação recolhida pelas extensões do Chrome. E foram capazes de ver o seguinte:

* URLs comuns usados ​​pelos funcionários em empresas visadas.

* URLs rede interna, expondo estrutura interna da rede, bem como sites completamente separadas apenas para uso interno.

* PDFs internos de serem colocados no AWS S3 concorrentes de referĂŞncia.

* Páginas que apenas uma pessoa tinha visitado. Eles testaram isso, segundo o artigo na página boingboing.net. Um dos caras no escritório usando um dos plugins criou um site local, página X, que não ligava em qualquer lugar, mas ao estar no site, ele mudou a barra de endereço para a página Y. Ele foi o único visitante da página X. Duas semanas depois página X acabou nos sites similares da página Y com Afinidade: 0,01%.

E nós do icloud.com.br estamos repassando esse artigo como uma prestação de serviço aos internautas.

Essa foi uma cópia traduzida de: boingboing.net apenas com a finalidade de alertar usuários de internet. Todo o crédito é da sua origem.


Alterar tamanho do texto de um site no Chrome
A HistĂłria da Internet no Brasil, do Dial Up Ă  Banda Larga
O que Ă© a Neutralidade da Rede de Internet
Tipos de Web Caches Que a Internet Cria no Seu Computador
WebMail Lite Ă© Um Bom Software de Webmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.