Armazenamento em Nuvem versus Cloud Computing

Armazenamento em Nuvem versus Cloud Computing

Para saber se há alguma diferença entre Armazenamento em Nuvem versus Cloud Computing, nós criamos este pequeno tutorial, que vai descrever, algumas características, que envolve cada um deles.

Os termos armazenamento em nuvem e computação em nuvem são muitas vezes usados ​​de forma intercambiável. Alguém pode ser tentado a acreditar que eles têm o mesmo significado, mas isso está longe de ser verdade.

Por mais que computação em nuvem e armazenamento em nuvem tenham muito em comum e sejam derivados da mesma fonte, eles são na verdade conceitos diferentes.

Vamos examinar as diferenças entre esses conceitos neste artigo.

Sobre o armazenamento em nuvem


O armazenamento em nuvem é simplesmente armazenar dados e arquivos e realizar backups para um local externo externo.
O principal benefício desta solução é garantir que os dados de uma empresa sejam mantidos seguros. E também, prontamente disponíveis, caso os dados no local sejam perdidos, ou haja algum tipo de desastre inesperado. Por exemplo um incêndio que destrua os negócios. Além disso, os dados são armazenados em um servidor virtual, não nos dispositivos reais dos funcionários.

O armazenamento em nuvem envolve o armazenamento de dados no hardware em uma localização física remota. Portanto, ela pode ser acessada por qualquer dispositivo através da internet.

Os clientes enviam arquivos para um servidor de dados mantido por um provedor de nuvem em vez de armazenando-os em seus próprios discos rígidos. O Dropbox, que permite aos usuários armazenar e compartilhar arquivos, é um bom exemplo.

Os sistemas de armazenamento em nuvem geralmente abrangem centenas de servidores de dados unidos por um servidor de controle mestre. Mas o sistema mais simples pode envolver apenas um.

Sobre a computação em nuvem, ou Cloud Computing

A computação em nuvem também envolve clientes conectados à infraestrutura de computação remota por meio de uma rede. Porém, desta vez a infraestrutura inclui o poder de processamento compartilhando, software e outros recursos.

Isso permite que os usuários tenham que atualizar e manter constantemente seus softwares e sistemas. E deve fazer isso, ao mesmo tempo que lhes permitem aproveitar o poder de processamento de uma vasta rede.

Os serviços todos os dias do mundo, alimentados pela computação em nuvem, incluem redes sociais como o Facebook, clientes de webmail como o Gmail e aplicativos de banco online.

Alguns fatores distintivos entre armazenamento em nuvem e computação em nuvem incluem:

a) A computação em nuvem requer maior poder de processamento do que o armazenamento em nuvem.

b) O armazenamento em nuvem, por outro lado, precisa de mais espaço de armazenamento.

a) A computação em nuvem é essencialmente voltada para empresas.

b) O armazenamento em nuvem, por outro lado, é utilizado por razões profissionais e pessoais.

O armazenamento em nuvem é simplesmente um meio de armazenamento e compartilhamento de dados, enquanto a computação em nuvem permite que você trabalhe e transforme dados remotamente. Por exemplo, codificando um aplicativo remotamente.

Essas são as diferenças essenciais entre o armazenamento em nuvem e os sistemas de computação em nuvem. Na medida em que estão interligados, são conceitos diferentes e não devem ser confundidos.

0 Comments

There are no comments yet

Leave a comment