O que é uma unidade de processamento acelerado – APU?

A Unidade de Processamento Acelerado, também conhecida como APU, poder ser definida como um conjunto de processadores desenvolvidos pela AMD que combinam tanto a CPU (Unidade Central de Processamento) quanto a GPU (Unidade de Processamento Gráfico) em um único chip. Essa integração permite um desempenho aprimorado em computadores tanto para notebooks quanto para desktops. Neste artigo, vamos explorar em detalhes como as APUs funcionam, por que a AMD criou esse nome, como saber a velocidade de uma APU, os principais modelos disponíveis no mercado, a diferença entre APU, CPU e GPU, além de responder outras dúvidas comuns sobre esse tipo de processador.

unidade de processamento acelerado

Como Funciona uma APU (unidade de processamento acelerado)?

Uma APU funciona integrando uma CPU e uma GPU em uma única estrutura de silício. A CPU é responsável por processar as tarefas gerais de um computador, enquanto a GPU é especializada no processamento de informações gráficas.

Ao unificar essas duas unidades, a unidade de processamento acelerado (APU) consegue lidar com todas as tarefas de processamento, tanto gerais quanto gráficas. Essa abordagem otimiza o espaço interno do computador, reduz o consumo de energia e proporciona um melhor custo-benefício.

A arquitetura de uma unidade de processamento acelerado inclui núcleos e memória cache. Os núcleos da CPU são responsáveis por executar os processos gerados pelo sistema operacional, enquanto os núcleos da GPU, conhecidos como Compute Units, são blocos compostos por componentes como TMUs (Unidades de Mapeamento de Textura) e ROPs (Rasterizador de Operações).

Além disso, as APUs possuem conjuntos de Stream Processors, que são unidades de execução mais simples.

A capacidade de processamento paralelo das GPUs permite que elas executem tarefas gráficas de forma eficiente, utilizando dezenas a milhares de pequenos núcleos trabalhando simultaneamente.

Se essas tarefas fossem delegadas às CPUs, aplicativos gráficos e jogos avançados teriam um desempenho inferior. Portanto, a integração da GPU na unidade de processamento acelerado permite que o processamento gráfico seja realizado de forma eficiente, enquanto a CPU executa as tarefas gerais do sistema.

Por que a AMD Criou o Nome APU?

A AMD criou o nome APU para diferenciar sua linha de processadores que combinam CPU e GPU. A primeira geração de APUs, chamada de AMD Fusion, foi anunciada em 2011.

No entanto, o projeto teve início em 2006, quando a AMD adquiriu a ATI Technologies, empresa responsável pelo desenvolvimento dos chips gráficos Radeon.

Com essa aquisição, a AMD passou a dominar tanto o desenvolvimento de CPUs quanto de GPUs, o que possibilitou a criação do projeto AMD Fusion.

O objetivo do projeto era desenvolver um chip baseado na arquitetura HSA (Heterogeneous System Architecture), que permite que os núcleos da CPU e GPU compartilhem o espaço de memória RAM.

Essa abordagem proporciona um melhor desempenho e eficiência no processamento de tarefas.

Por outro lado, a Intel também fabrica processadores com CPU e GPU integrados, porém, ela não adotou a denominação APU - unidade de processamento acelerado.

A nomenclatura APU foi criada especificamente para classificar os chips da AMD que combinam as unidades de processamento geral e gráfico.

Como Saber a Velocidade de uma APU?

A velocidade de uma unidade de processamento acelerado é influenciada por diversas especificações, como o número de núcleos da CPU e GPU, a quantidade de memória cache e a velocidade de clock. Existem várias ferramentas disponíveis para verificar essas informações, como o CPU-Z e a lista de APUs lançadas pela AMD.

Os núcleos da CPU são responsáveis por executar os processos gerais do sistema, enquanto os núcleos da GPU são especializados no processamento gráfico.

A quantidade de núcleos e a velocidade de clock da APU afetam diretamente o desempenho do processador.

Quanto maior o número de núcleos e a velocidade de clock, maior será a capacidade de processamento da APU - unidade de processamento acelerado.

A memória cache também desempenha um papel importante no desempenho da APU. A memória cache é um tipo de memória mais rápida que armazena dados temporariamente para acelerar o acesso a eles.

Quanto maior a quantidade de memória cache, melhor será o desempenho da APU, pois ela terá mais dados disponíveis para processamento imediato.

Principais Modelos de APU

A AMD desenvolve diversos modelos de APUs (unidades de processamento acelerado) para atender as necessidades de diferentes usuários. Algumas das principais séries de APUs da AMD incluem:

Arquitetura RDNA na APU

A arquitetura RDNA (Radeon DNA) é uma das mais recentes da AMD e oferece uma melhoria significativa no desempenho gráfico em comparação com as gerações anteriores.

As APUs com essa arquitetura são projetadas para oferecer uma experiência de jogo mais imersiva e suave, além de suportar recursos avançados, como Ray Tracing em tempo real.

Arquitetura Zen na unidade de processamento acelerado

A arquitetura Zen é a mais recente arquitetura de CPU da AMD e proporciona um desempenho excepcional em tarefas gerais.

As APUs baseadas na arquitetura Zen são ideais para usuários que precisam de um bom desempenho em aplicativos de produtividade, como edição de vídeo, criação de conteúdo e multitarefas.

Diferença entre APU, CPU e GPU

A unidade de processamento acelerado combina as funcionalidades da CPU e GPU em um único chip, oferecendo um desempenho aprimorado tanto para tarefas gerais quanto para tarefas gráficas.

A CPU é responsável por executar os processos gerais do sistema, enquanto a GPU é especializada no processamento de informações gráficas.

A CPU é projetada para executar tarefas sequenciais, uma após a outra, de forma eficiente. Ela possui um menor número de núcleos, mas cada núcleo é mais complexo e poderoso.

A GPU, por outro lado, é projetada para executar tarefas em paralelo, o que a torna mais eficiente no processamento de informações gráficas.

Ela possui um grande número de núcleos, mas cada núcleo é mais simples e trabalha em conjunto para processar tarefas simultaneamente.

Enquanto a CPU é ideal para tarefas como navegação na web, edição de documentos e execução de aplicativos de produtividade, a GPU é mais adequada para tarefas como renderização de gráficos, jogos e aplicativos de modelagem 3D.

Uma APU Consegue Rodar Jogos?

Sim, as APUs são capazes de rodar jogos, especialmente os mais simples e menos exigentes em termos de gráficos.

As APUs são projetadas para fornecer um desempenho gráfico adequado para jogos casuais e alguns jogos mais complexos, desde que as configurações gráficas sejam ajustadas para um nível mais baixo.

No entanto, se você é um jogador ávido e deseja rodar jogos mais exigentes em termos gráficos, é recomendável combinar uma unidade de processamento acelerado com uma placa de vídeo dedicada.

Essa combinação permitirá que você aproveite ao máximo os recursos gráficos dos jogos mais recentes e exigentes.

Como Juntar uma APU e uma Placa de Vídeo Dedicada?

É possível combinar uma APU com uma placa de vídeo dedicada em um mesmo sistema para obter um desempenho gráfico ainda melhor. Essa configuração é conhecida como "Dual Graphics" ou "CrossFire" quando se trata de produtos da AMD.

Quando uma unidade de processamento acelerado é combinada com uma placa de vídeo dedicada, a APU assume o processamento das tarefas gerais do sistema, enquanto a placa de vídeo dedicada é responsável pelo processamento das informações gráficas mais intensivas.

Essa combinação permite um desempenho gráfico superior, proporcionando uma experiência de jogo mais suave e visualmente aprimorada.

No entanto, é importante verificar a compatibilidade entre a APU e a placa de vídeo dedicada antes de fazer a combinação.

Nem todas as APUs e placas de vídeo são compatíveis entre si, portanto, é necessário verificar as especificações técnicas de ambos os componentes antes de fazer a escolha.

Conclusão sobre a unidade de processamento acelerado

As APUs são uma solução versátil para usuários que buscam um desempenho gráfico adequado, aliado a um bom desempenho em tarefas gerais. Com a integração da CPU e GPU em um único chip, as APUs oferecem uma solução econômica, eficiente em termos de energia e de espaço interno do computador.

Elas são capazes de executar jogos casuais e tarefas gráficas menos exigentes, mas para jogos mais complexos e exigentes, é recomendável combinar uma unidade de processamento acelerado com uma placa de vídeo dedicada.

A AMD é uma das principais fabricantes de APUs, oferecendo uma variedade de modelos com diferentes especificações e desempenho.

Ao escolher uma APU, é importante considerar as necessidades específicas do usuário, como o tipo de tarefas que serão executadas e o nível de desempenho gráfico desejado.

Com uma APU adequada, os usuários podem desfrutar de um desempenho aprimorado em suas tarefas diárias, desde a navegação na web até a execução de aplicativos de produtividade e jogos.

Editor iCloud
Editor iCloud

A edição do site icloud.com.br é feita pelo administrador do site. Criamos conteúdo para levar conhecimento aos nossos leitores.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

iCloud Tutoriais
Logo